Atenção:

Para navegar no site habilite o "JavaScript" em seu navegador (browser) de internet!
 
 
 
Destaques
 
Notícias Online
 
  buscar notícias:
 
19/06/2017
Pequenos negócios paranaenses participam de feiras nacionais de alimentação

Com apoio do Sebrae/PR, produtos com o Selo Alimentos do Paraná foram expostos na Naturaltech e na BioBrazilFair, em São Paulo

Seis pequenas empresas paranaenses com o Selo Alimentos do Paraná participaram de duas importantes feiras de alimentação saudável e produtos orgânicos, entre os dias 7 e 10 de junho, durante a Bienal do Ibirapuera, em São Paulo. Quatro delas expuseram seus produtos na Naturaltech – 13ª Feira de Alimentação Saudável, Suplementos, Produtos Naturais e Saúde e outras duas na BioBrazilFair - 13ª Feira Internacional de Produtos Orgânicos e Agroecologia.

As empresas Supraervas, de Campo Mourão, Sempre Bom, de Maringá, Charoma, de Piraquara, e Apiários Wal-Luz, de Maringá, foram selecionadas entre 15 participantes do Programa Selo Alimentos do Paraná na categoria Produto Natural, Funcional, ou Suplemento, para expor em um estande do Sebrae/PR na Naturaltech. Já a Verde Brasil, de Piraí do Sul, e a Terrara Alimentos, de Londrina, são detentoras do Selo e também apresentam certificação vigente de produto orgânico. Elas participaram da BioBrazilFair 2017 - considerada o maior evento de negócios de produtos orgânicos da América Latina - em um estante do Sebrae Nacional, em parceria com o Sebrae/PR.

Segundo a coordenadora estadual de Agronegócio do Sebrae/PR, Andreia Claudino, as duas feiras superaram a expectativa de público, o que demonstra que, mesmo na crise, existe público específico para esse tipo de produto. “Pela geração de negócios 15% maior que no ano anterior, segundo a própria organização, percebemos que foi bem positivo. É uma tendência de mercado essa diversificação de produtos. Até um tempo atrás, investia-se em menor quantidade de sódio, açúcar, mudanças na formulação. Hoje, além disso, há novos produtos, embalagens fracionadas, a agregação de valor está cada vez maior e o público paga por isso. Tanto que houve produtos esgotados no terceiro dia do evento”, assegura.

Com base nisso, o Sebrae/PR orientou os clientes participantes da ação de prospecção de mercado a estarem bem preparados, com novidades no portfólio e investimento em mix de produtos. “A qualidade é fator fundamental e não diferencial. É preciso ter produtos diferenciados, ampliar o mix, apostar em fracionamentos, embalagens diferentes, investir em inovação. A Naturaltech mostrou que quem faz isso vende”, argumenta.

A ação é um dos benefícios de acesso a mercado oferecidos às empresas que alcançaram bons índices de eficiência em gestão, segurança e qualidade alimentar no Programa Alimentos do Paraná, promovido pelo Sebrae/PR, tendo como comitê gestor a Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Federação do Comércio de Bens e Serviços do Paraná (Fecomércio PR), Associação Paranaense de Supermercados (Apras) e Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-PR).

O respaldo do Sebrae/PR e do Selo Alimentos do Paraná na BioBrazilFair levaram a Terrara Alimentos, de Londrina, no norte do Estado, a contabilizar um resultado duas vezes maior do que o alcançado em anos anteriores. “Participamos da Feira há cinco anos, mas pela primeira vez com o Sebrae. E foi muito produtivo. Percebemos o diferencial de ter o Selo e o respaldo do Sebrae, que é um indicador técnico de qualidade, e leva as pessoas a darem o devido crédito ao nosso produto”, destaca o proprietário, Egon Prezoto Bertolaccini.

Além dos cafés especiais, em quatro embalagens diferentes, e do feijão carioca e preto, a empresa expôs na Feira duas novidades: o milho de pipoca e a farinha de trigo integral biodinâmicos. “Trata-se de um produto orgânico, com manejo diferenciado. Além da homeopatia vegetal, nos baseamos no calendário biodinâmico, que indica a melhor época para trabalhar a planta”, explica.

A participação na Naturaltech superou as expectativas da Supraervas, de Campo Mourão, no noroeste paranaense. “Foi excelente. Eu já tinha experiência de Naturaltech com outra empresa que trabalhava, mas este ano foi o primeiro com a minha empresa. A própria Feira cresceu substancialmente em número de expositores e de movimento, fiquei surpreendido. Fizemos muitas prospecções e também ampliamos a negociação com clientes nossos”, conta o sócio-proprietário Fagner Braga.

Indústria de bebidas naturais, com foco em chás funcionais, bebidas compostas e polivitamínicos, a empresa atende clientes em vários estados brasileiros. “Além dos produtos de linha, lançamos dez produtos para levar para esse evento, já que teríamos clientes nossos visitando e não faria sentido apresentar só o que já tínhamos no catálogo”, acrescenta.


Fonte: Sebrae-PR
 


Últimas Notícias 
15/12/2017
» 40 Graus mobiliza o setor calçadista ainda no primeiro trimestre de 2018
15/12/2017
» Definidas as agroindústrias para a 18ª Expoagro Afubra
15/12/2017
» Sexta-feira (15) é o último dia para o credenciamento de agências que vão receber chineses
15/12/2017
» Missão comercial para o Reino Unido aproxima players britânicos e brasileiros
15/12/2017
» Festival Geek reúne dubladores e youtubers até domingo em Brasília
mais...
  buscar notícias: