Atenção:

Para navegar no site habilite o "JavaScript" em seu navegador (browser) de internet!
 
 
 
Destaques
 
Notícias Online
 
  buscar notícias:
 
11/08/2017
Expoagas projeta movimentar R$ 497 milhões em negócios na edição deste ano

Evento tradicional do calendário da economia gaúcha, a edição de 2017 da Expoagas (Convenção Gaúcha de Supermercados) espera movimentar R$ 497 milhões em negócios. Se confirmado, o valor representará um aumento de 6% em relação ao evento do ano passado, projeção vista pela Associação Gaúcha de Supermercados (Agas) como positiva em um ano de dificuldades para a rentabilidade do setor. A expectativa é de pelo menos 43 mil visitantes nos três dias da feira, que acontece de 22 a 24 de agosto na Fiergs, na Capital.

"É impossível almejar um crescimento maior em um segmento que está vendendo boa parte de seus produtos a preços menores do que no ano passado", argumentou ontem o presidente da Agas, Antônio Cesa Longo, durante o lançamento da feira. O empresário cita quedas de 30% no valor de produtos lácteos e de 35% no valor dos hortifruti como exemplos. Questionado sobre o impacto do aumento dos combustíveis nos negócios, Longo também criticou o governo federal. "Isso traz um efeito até psicológico, que na hora que sai o anúncio já diminui o consumo. O povo e os empresários estão cansados de discursos que, depois, viram ações diferentes das promessas feitas", disparou. No cômputo geral, Longo projeta a Expoagas de 2017 como uma feira "de recordes, mas moderados".

O presidente da Agas afirma ver o crescimento nas negociações em cima da busca dos supermercados por qualificação e por criarem diferenciais. São esperados 800 lançamentos de produtos por parte dos 347 expositores, 72% deles gaúchos. "A indústria gaúcha é muito diversificada, e, por isso, gera muitos desses lançamentos", analisa Longo, garantindo ser defensor da indústria local. Entre os estandes, 18% são de empresas que nunca participaram da Expoagas, percentual dentro da meta de renovação desejada pela entidade. Embora produtos voltados ao consumidor final sejam os mais procurados, neste ano, a feira terá dois novos segmentos entre os expositores: engenharia e energia elétrica, atendendo à procura por reformas e por melhoria da eficiência energética dos supermercados.

No primeiro dia da feira, a Agas também lança a edição de 2018, da qual espera comercializar 70% dos espaços ainda durante a edição de 2017. A antecipação é comum: a edição deste ano já estava totalmente vendida desde o ano passado. "Isso nos dá segurança para buscar uma melhor programação para as palestras da convenção", defende o dirigente. As palestras magnas, uma por dia, serão proferidas pelo economista Ricardo Amorim, pelo historiador Leandro Karnal e pelo apresentador Serginho Groisman. Outros painéis debaterão situações como a nova legislação trabalhista, a prevenção de perdas e o papel da mulher no mercado.

Sobre a expectativa de público de 43 mil pessoas, Longo aposta que se mostrará baixa. "Esse número será ultrapassado. Já temos 2,5 mil empresas inscritas, de uma meta de 6 mil, e cada CNPJ leva em média seis pessoas", afirma o dirigente. A Agas espera receber visitantes de todos os estados, e pelo menos 90 caravanas vindas do Interior com transporte subsidiado pela feira. Um carro e seis notebooks serão sorteados entre os compradores da Expoagas, que homenageará ainda como "Supermercadista Honorário" o presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn. As inscrições para a feira são gratuitas para varejistas de diversos segmentos até 18 de agosto.


Fonte: Jornal do Comércio
 


Últimas Notícias 
17/11/2017
» Francal 2018 lança projeto inédito e inovador para segmento infantil
17/11/2017
» HIMSS@Hospitalar será apresentado na Medica 2017
17/11/2017
» Empresário bom pagador deve ser reconhecido
17/11/2017
» Apresentação de tendências da feira de luxo Première Vision ocorrerá em Novo Hamburgo
17/11/2017
» São Paulo, Paraná e Santa Catarina recebem Conexão Inspiramais
mais...
  buscar notícias: