Atenção:

Para navegar no site habilite o "JavaScript" em seu navegador (browser) de internet!
 
 
 
Destaques
 
Notícias Online
 
  buscar notícias:
 
13/11/2017
Troca de experiências marca 2º Deatec Summit

“A inovação deve ser uma política de Estado e não uma política de governo. Por isso, a tríplice hélice – atuação conjunta do poder público, iniciativa privada e instituições de ensino – tem importância fundamental”. A afirmação é do presidente do Orion Parque Tecnológico, de Lages, e presidente do SBT-SC Roberto Amaral, que participou nessa semana do 2º Deatec Summit, realizado pela Associação Polo Tecnológico do Oeste Catarinense (Deatec), em Chapecó.

Amaral integrou os debates do painel sobre o “Setor de Tecnologia e Inovação do Oeste Catarinense - Visão e Comprometimento da Tríplice Hélice” que contou também com a participação do diretor de Desenvolvimento de Ciência, Tecnologia e Inovação da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Sustentável Jean Carlo Vogel, secretário de Desenvolvimento Econômico de Chapecó Márcio Sander, vice-reitor da Unoesc Chapecó Ricardo de Marco, reitor da Unochapecó Claudio Jacoski e presidente da Deatec André Telöcken. O painel foi mediado pelo empresário e diretor de Startups da Deatec Rudinei Carlos Gerhart.

A estrutura do Orion Parque foi apresentada por Amaral. Inaugurado em 2016, o objetivo é incrementar a riqueza da comunidade promovendo a cultura da inovação e da competitividade das empresas e instituições geradoras de conhecimento. De acordo com o presidente, o Parque é um ambiente público que possui diversos projetos para apoiar empresas, promover cursos tanto para o setor empresarial como para a comunidade e impulsionar o desenvolvimento de inovação na região.

O reitor da Unochapecó expôs os projetos da universidade com foco na inovação, como a Incubadora Tecnológica e o Parque Científico e Tecnológico Chapecó@. “A economia de Chapecó se transformará a partir do Parque. Aliado a isso, a universidade está passando por uma renovação para se aproximar cada vez mais do setor produtivo. Porém, o Oeste ainda precisa de mais espaço. Dos 81 doutorados que temos no Estado, apenas dois são em Chapecó. Precisamos reduzir essa dicotomia entre as regiões. Para isso, a tríplice hélice é fundamental”, salientou.

Ricardo de Marco enfatizou que o desenvolvimento se origina da capacidade empreendedora da região e isso demanda das universidades um grande esforço para formação de profissionais qualificados. “Temos que ter um olhar crítico para preparar pessoas capacitadas para atender o mercado atual e futuro”.

A política municipal de incentivo à inovação com a criação do Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação e da Gerência de Tecnologia e Inovação foram destacados por Marcio Sander. “Chapecó é um polo tecnológico reconhecido e, com sinergia entre o poder público, universidades e iniciativa privada pode se desenvolver ainda mais”. Sander também citou a doação de um terreno para a Deatec onde será construído o Condomínio Tecnológico.

Jean Carlo Vogel realçou os programas do Governo do Estado dos centros de inovação e o Geração Tec que será lançado neste ano. Os centros de inovação tem a finalidade de promover o empreendedorismo, estimulando a criação de negócios de alto valor agregado, fortalecendo a atração de investimentos e unindo o poder público, o setor privado e as instituições de ensino. Vogel também ressaltou o Pacto pela Inovação, assinado na semana passada por 29 entidades. “Essas instituições aceitaram o desafio de propor ações que possam ser realizadas em 12 meses. Foram apresentadas quase cem ações que iremos colocar em prática a partir de um plano de ação que será traçado nas próximas reuniões”.

O presidente da Deatec, André Telöcken, salientou que a entidade foi criada em 2005 e possui, atualmente, mais de 100 associados. Reúne empresas do setor de base tecnológica para fortalecer o segmento, gerando incremento no trabalho, renda, qualificação e inovação. “O setor está em expansão em Chapecó e região. A Deatec tem exercido um papel fundamental para o desenvolvimento do ecossistema inovador no Oeste, atuando, desde sua fundação, para fomentar a ampliação de novos negócios e de inovação. Para isso, contamos com apoio de empreendedores que acreditam no associativismo e com a parceria de entidades como o Sicoob, BRDE, Badesc e Sicredi”, finalizou.

A programação do 2º Deatec Summit contou ainda com três palestras: sobre “Autodireção: Quanto custa a má gestão do tempo?” com o Leadership Training for Managers da Carnegie University USA Alexandre Galon; “Porque você precisa acelerar sua Startup!”, com o advogado, investidor anjo, cofundador da 1Bi Capital - Aceleradora de Startups Andrei Bueno Sander; e “Canais de vendas como vantagem competitiva”, com consultor, diretor da empresa Market Growing, escritor do Portal Resellerweb, da revista CRN Brasil e da Channel Partner de Portugal Renato Machado.


Fonte: Assessoria de Imprensa
 


Últimas Notícias 
23/01/2018
» 2ª edição do Biomass Day ganha dois dias a mais e expande agenda de discussões sobre geração de energia
23/01/2018
» Abimad 2018 traz novidades ao São Paulo Expo
23/01/2018
» Smart City Expo Curitiba abre inscrições e define programação
23/01/2018
» Première Vision NY: três marcas do Texbrasil participam da edição de primavera/verão
23/01/2018
» Campus Party 2018 acontece no Anhembi
mais...
  buscar notícias:
 
 
Feiras 2019, Feiras 2018, Feiras 2017, Feiras Industriais, Feiras do Brasil, Feiras e Eventos, Feiras e Congressos, Feiras no Brasil, Feiras Brasil, Calendário de Feiras, Calendário Feiras do Brasil, Feiras, Feiras 2019 SP, Feiras 2019 São Paulo, Feiras 2018 SP, Feiras 2018 São Paulo, Eventos SP, Eventos São Paulo, Feiras Anhembi, Feiras Expo Center Norte, São Paulo Expo, Calendário 2019, Calendário 2018, Calendário 2017, Eventos 2019, Eventos 2018, Eventos 2017, Congressos 2019, Congressos 2018, Congressos 2017, Turismo de Negócios, Agenda de Eventos, Agenda de Feiras, Agenda de Exposições, Exposição Agropecuária, Eventos Empresariais, Expo 2019, Expo 2018, Expo 2017, Expo Center Norte, Anhembi Parque, Transamérica Expo Center, Riocentro, Centro de Eventos Pro Magno, Bienal do Ibirapuera, Centro de Convenções Frei Caneca, NFeiras, feiras 2019 brasil, feiras 2018 brasil, calendário brasileiro de exposições e feiras 2019, calendário brasileiro de exposições e feiras 2018, feiras 2019 sp, feiras 2018 sp, calendario de feiras em sp 2019, calendario de feiras 2019, calendário de feiras e eventos 2019, calendario de feiras 2019 brasil, calendario de feiras em sp 2018, calendario de feiras 2018, calendário de feiras e eventos 2018, calendario de feiras 2018 brasil, calendário brasileiro de exposições e feiras, Feiras em 2019, Principais feiras realizadas em 2019, Acesse as feiras que se realizam em 2019, Feiras em 2018, Principais feiras realizadas em 2018, Acesse as feiras que se realizam em 2019, Acesse as feiras que se realizam em 2018, Calendário Brasileiro de Exposições e Feiras, Exposições e Feiras, Expofeiras, Sistema de Gerenciamento de Exposições e Feiras, Eventos & Feiras, Feiras & Negócios, Feiras & Congressos, Calendário das Principais Feiras de Negócios do Brasil 2019, Calendário das Principais Feiras de Negócios do Brasil 2018, Calendário de Eventos, Sistema de Exposições e Feiras, Feiras em Brasil. Calendário de feiras em Brasil, Calendário de Feiras SP 2019, Calendário de Feiras SP 2018, Calendário Brasileiro de Feiras e Eventos, feiras e eventos empresariais, feiras de negócios e eventos empresariais