Atenção:

Habilite o JavaScript em seu navegador (browser) de internet!
Feiras do Brasil
 
     
 
 
     
 
Destaques & Notícias
 
Congresso H&F@Hospitalar discute os desafios, as inovações tecnológicas e o conceito de sustentabilidade aplicado a facilities

12/04/2024
Congresso H&F@Hospitalar discute os desafios, as inovações tecnológicas e o conceito de sustentabilidade aplicado a facilities

Novas tecnologias para o uso racional dos recursos naturais, práticas de proteção ao meio ambiente e estímulos à economia circular serão apresentadas neste fórum, que debaterá temas sobre infraestrutura, comportamento de sustentabilidade, inovação e cliente.

Sob o tema “Da infraestrutura à jornada do paciente”, o H&F - Congresso de Hotelaria e Facilities vai colocar em pauta, nos dias 22 e 23 de maio, temas relevantes do setor, como a economia de recursos hídricos e energéticos em edifício hospitalar, o gerenciamento de resíduos sólidos e a economia circular, as novas tecnologias para redução de consumo em processamento de roupas e cases de inovação na busca de práticas sustentáveis nas áreas de apoio.

O encontro integra a programação da 29ª Hospitalar, o principal evento e plataforma de geração de negócios e networking do setor de saúde na América Latina, que será realizada no São Paulo Expo, em São Paulo.

As sessões do fórum serão orientadas para quatro grandes eixos: infraestrutura, comportamento e sustentabilidade, inovação e cliente. Sob coordenadoria científica de Marcelo Boeger, o evento é voltado para gestores de hotelaria em instituições de saúde e de facilities, arquitetos, engenheiros, empresas prestadoras de serviço nas áreas de higiene predial, manutenção predial e lavanderia hospitalar, enfermeiros de controle de infecção hospitalar, qualidade e experiência do paciente. Para se inscrever acesse https://www.hospitalar.com/pt/congressos/congressohf.html

A infraestrutura na era da expansão

Recentemente, a expansão das grandes marcas no setor de saúde se intensificou, transformando-se em um grande desafio para os profissionais de facilities. Se há cinco anos, essas marcas começaram a abrir unidades nos bairros da mesma cidade do prédio original, agora passaram a ampliar sua atuação em outras cidades e estados, seja pela aquisição de hospitais familiares, seja pela locação de imóveis ou ainda pela construção de novos edifícios.

“O setor de facilities têm de garantir que, nesse processo, os serviços sejam padronizados e tenham a mesma qualidade dos oferecidos no prédio original, de modo que o paciente se sinta o mais próximo possível da realidade onde a marca se originou”, afirma Marcelo Boeger. Desde a cor das paredes, passando pelo mobiliário, até chegar ao uniforme dos funcionários, o enxoval e as lâmpadas dos quartos, tudo isso passa pelos profissionais de infraestrutura.

Este módulo reunirá especialistas para discutir a expansão das unidades, a padronização dos serviços e a gestão dos indicadores da área. Já estão confirmados nomes como Clóvis Porto (Grupo Fleury), Anderson Cremasco (Hospital Sírio Libanês) e Alexsandra Ferreira Marques (Grupo Dasa).

Comportamento e sustentabilidade

A aplicação dos conceitos de sustentabilidade nos serviços de Nutrição e Dietética faz parte do segundo eixo do fórum. A nutricionista Weruska Barrios (Grão Nutri) abordará as tendências deste segmento, como o fato de certos hospitais cultivarem suas hortas ou adquirirem alimentos de pequenos produtores rurais para apoiar a agronomia familiar e fomentar a economia circular.

Serão relatados ainda cases do aproveitamento máximo de vegetais, como talos e ramas, para evitar desperdícios. “A meta é resíduo zero, aterro zero”, destaca Marcelo Boeger. Para atingir esse objetivo, as instituições enviam o que não pode ser aproveitado para usinas de compostagem para que seja realizada a decomposição orgânica.

Em seguida, os participantes poderão conhecer mais sobre o gerenciamento de resíduos sólidos, por meio de uma palestra do presidente da Sociedade Brasileira de Hotelaria Hospitalar da regional Bahia, Anderson Nascimento. Gestor de hotelaria do Hospital Ana Nery, ele trará a experiência do Sistema Único de Saúde (SUS) para a mesa de debates.

No final do dia, a coordenadora técnica do Instituto Qualisa de Gestão, Elizabeth Reis, irá apresentar um estudo sobre presenteísmo, absenteísmo e produtividade em facilities, colocando em debate estratégias para a valorização e retenção dessa mão de obra, que representa quase 20% da produtividade dos hospitais.

Inovação

No dia 23, o eixo dedicado à Inovação será aberto pela diretora de Operações e de Enfermagem do Hospital Israelita Albert Einstein, Cláudia Laselva, que abordará a integração da tecnologia com os serviços de assistência e os desafios de atuar em um modelo de inovação, buscando trazer constantemente vantagens e mais segurança aos pacientes.

Após a palestra, serão apresentados cases de sucesso sobre o controle de desempenho de facilities por meio da internet das coisas (IoT). A gestora de Rouparia do Hospital Israelita Albert Einstein, Renata Aparecida dos Santos, vai divulgar os resultados da implantação do dispenser automatizado de uniforme privativo, importado de Israel pela empresa ID Track, para a rastreabilidade de enxoval.

Utilizado no centro cirúrgico, o armário inteligente Polytex Pro é 30% mais rápido do que os modelos tradicionais. Com capacidade de controlar o fluxo de 90 tipos de itens diferentes, entrega o tipo de peça no tamanho, cor e modelo adequado a cada usuário. Após o uso, a peça devolvida fica em um recipiente próprio no armário, que monitora a utilização correta, reduzindo custos.

Cliente

Neste eixo, a diretora de Atendimento Exclusivo do Grupo Sul América, Juliana Baglagi, vai falar sobre a experiência na perspectiva do cliente, da operação e da estratégia. Em seguida, o fórum abrirá espaço para mostrar o impacto da Net Promoter Score (NPS), metodologia de satisfação do cliente. Segundo especialistas, as notas 9 e 10 demonstram que o respondente é um promotor da instituição. As notas 7 e 8 indicam neutralidade. Clientes insatisfeitos, que têm o potencial de se transformar em detratores da marca, atribuem as notas de 1 a 6.

“Às vezes o paciente deu uma nota baixa porque, embora tenha recebido um atendimento médico de qualidade, passou por experiências ruins, que envolvem a área de facilities”, comenta Marcelo Boeger. “Por exemplo, a comida veio fria, a televisão não funcionou direito, a higiene do quarto deixou a desejar”, complementa.

Para fechar este módulo, haverá um debate sobre os gargalos do setor de facilities referentes ao check- in e check-out do paciente. Entre eles estão a questão do estacionamento dos carros e a recepção do paciente e seus acompanhantes. “Várias instituições estão usando a figura do capitão porteiro e do concierge, que acolhe o paciente e o encaminha ao setor apropriado”, conclui Marcelo Boeger.

Serviço:

Hospitalar 2024
Data: 21 a 24 de maio, das 11h às 20h
Local: São Paulo Expo - São Paulo/SP

www.hospitalar.com/pt/home.html
 
 
 
Destaque
» São Paulo, capital das feiras, lidera o setor de feiras e eventos empresariais
Últimos Destaques 
17/05/2024
» AgroBrasília completará 15 anos em 2024
17/05/2024
» Feira da Moda Inverno (FEIMI) anuncia a primeira edição de 2024 na Avenida Paulista
17/05/2024
» Caravanas de agricultores familiares chegam para conhecer as inovações tecnológicas na Agrotins 2024
17/05/2024
» Encontro Internacional de Neonatologia reunirá profissionais nacionais e internacionais em São Paulo
16/05/2024
» Bahia Farm Show 2024 terá ampliação de 9% da área total
mais...
  buscar destaques: